SE DEUS QUISER TEXTO CHAVE: Tg 4.13 – 17

Estamos vivendo os primeiros dias de um novo ano. Com certeza, todos temos expectativas com respeito a como o ano vai ser. Além de expectativas, muitos tem sonhos, algo que gostariam que lhes acontecesse. Outros tem projetos, planos a serem executados para que o almejado aconteça. Deus é um Deus fiel e verdadeiro! Deus é um Deus de amor no qual vale á pena confiar! Deus é um Deus maravilhoso porque nos deixou Sua Palavra para que o conhecêssemos, bem como a obra realizada por Ele para nos salvar. Conhecêssemos o caminho por onde Ele quer que andemos. No nosso texto Tiago traz alguns conceitos muito importantes, que precisamos conhecer e viver para que nesse novo ano nossa vida seja abençoada.

1. Nossa vida está nas mãos de Deus e é passageira -vs. 13,14
É comum pessoas alardearem que farão isso e mais aquilo, sem levar em consideração vários fatores que são essenciais. Podemos ter planos, aliás, devemos ter planos, mas a última palavra sempre deve ser do Senhor (Pv 16.1). Cuidado com decisões que você for tomar, sem consultar o Senhor, sem submeter a Deus, sem alinhá-las com a Palavra de Deus. A Bíblia nos conta a história do homem cujos campos produziram abundantemente e ele achou que sua vida estava “ganha” e que poderia comer e beber, enfim, desfrutar a sua fartura! Esqueceu que sua vida estava nas mãos de Deus e que é Ele quem decide quanto tempo viveremos na terra (Lc 12.16-20) Que alerta formidável é esta parábola! A pergunta de Tiago em nosso texto é: “Que é a nossa vida?” Sua resposta é que somos como uma neblina passageira que, assim como vem, logo desaparece. É por isso que precisamos avaliar cada passo a ser dado no novo ano e afiná-lo com Jesus, nosso Senhor, e vive-lo em obediência aos princípios liberados por Deus nas Escrituras (Jr 29.11-1

2. Nosso desafio é estabelecer Jesus como Senhor da nossa vida – v. 15
Jamais devemos esquecer que nossa vida é uma concessão de Deus. Todas as bênçãos que desfrutamos são presentes de Deus na nossa direção para que o Seu nome seja glorificado. Geralmente o homem é precipitado em suas decisões e, como consequência, sofre derrotas e fica frustrado. O texto nos desafia a submeter a Jesus cada uma das nossas iniciativas para ver se tem a Sua aprovação. Quando descobrimos e andamos na vontade do Senhor podemos ter plena certeza que seremos bem-sucedidos em tudo que fizermos! O livro de Atos nos relata que, muitas vezes, Paulo pensava em ir a certas regiões no seu trabalho evangelístico, mas o Senhor o orientava especificamente (At 16.7-10). Deixe Jesus ser Senhor de sua vida neste novo ano! Aprenda a recorrer a Ele e descansar nas Suas promessas porque Ele é fiel. Com o Senhor na direção certamente você fará grandes coisas e passará por experiências ainda mais abençoadas (Pv 3.5,6).

3. Fazer o bem sempre agrada a Deus – v.17
A única definição específica de pecado na Bíblia esta em 1 Jo 3.4. Pecado é a quebra da lei. No texto apontado acima, parte da transgressão está em vista, a saber, a falta de cumprir as exigências da lei. Uma que, certamente, o Senhor espera de nós no ano que estamos entrando é que façamos o bem. O que é fazer o bem? Esta palavra engloba vários aspectos diferentes, como:
a) Ganhar almas para Cristo – Quando alguém é evangelizado e levado a reconhecer Jesus como seu Salvador e Senhor, passando a entregar sua vida a Ele, essa pessoa é tirada das mãos do diabo e trazida a luz do Senhor (At 26.18). Ganhar almas é fazer o bem! Portanto, aproveite cada oportunidade no novo ano para levar pessoas a Cristo! Jesus é nossa referência (At 10.38)!
b) Ajudar os necessitados é fazer o bem – A Bíblia nos fala da verdadeira religião que precisamos viver como cristãos (Tg 1.27). O apóstolo João também aborda este tema nas suas cartas (1 Jo 3.17,18). Ajuda aos necessitados foi uma das características marcantes da igreja primitiva (At 4.34,35). O conselho de Paulo aos gálatas sobre o assunto é desafiador (Gl 6.9,10). Que não pequemos neste novo ano deixando de fazer o bem (Pv 3.27,28).

Gancho Evangelístico – Que palavra preciosa e desafiadora ao entrarmos neste novo ano. Ela nos desafia a sermos sábios e prudentes em tudo o que formos fazer, a fim de estarmos sempre alinhados com Deus e Sua em todo que formos fazer. É tão comum se pensar que se a gente for positivo, otimista ao entrar em um novo ano, tudo vai dar certo! Não é bem assim é o que nos mostra o trecho bíblico que analisamos. O resumo dos ensinamentos de Tiago é a necessidade de confiarmos nossa vida totalmente ao Senhor. É procurar ser o quanto mais sensível ao Espírito Santo possível. É ter vida de oração genuína e aprender a submeter nossos planos, projetos, anseios e sonhos ao Senhor porque a resposta certa sempre vem d’Ele. Não tenha dúvidas que o Senhor deseja que 2018 seja um ano abençoado na sua vida! Que você alcance vitórias expressivas na sua vida; que você avance em todas as áreas! Portanto, submeta-se a Deus, coloque Jesus no centro da sua vida, deixe o Espírito Santo guiar seus passos e o novo ano será maravilhoso!!! Consolide!!!
Ap. Claudemar Rheinheimer – 04/01/2018.